Ignorar Comandos do Friso
Saltar para o conteúdo principal
Navegar para Cima
CSAV y el Meio Ambiente

CSAV y el Meio Ambiente

Estamos conscientes da importância de cuidar o meio ambiente para as futuras gerações.

Considera-se que o transporte marítimo tem um impacto negativo relativamente menor sobre o meio ambiente em comparação com os outros meios de transporte. Nossas atividades comerciais afetam o meio ambiente principalmente com a emissão de gases de efeito estufa, como resultado do consumo de combustíveis não renováveis.

A CSAV trabalha continuamente com o objetivo de reduzir suas emissões de gases de efeito estufa de acordo com a norma ISO 14.001.

Normas internacionais estritas regem o negócio marítimo, a fim de promover a proteção e segurança nas operações marítimas, bem como prevenir e controlar a contaminação produzida pelo transporte marítimo.

A Organização Marítima Internacional (IMO, por suas siglas em inglês) por meio das convenções sobre Segurança da Vida no Mar (SOLAS, por suas siglas em inglês) e Contaminação Marítima (MARPOL, por suas siglas em inglês), emite os principais regulamentos e os controla assegurando-se que os navios operem em conformidade com as normativas internacionais vigentes.

Tomamos medidas concretas para complementar estes regulamentos e garantir que a operação dos navios atenda aos padrões elevados, através do equilíbrio e da eficiência operacional com os requisitos comercias e os devidos cuidados com o meio ambiente. Estas medidas são baseadas em um sistema de gestão ambiental e de qualidade integradas, projetadas para assegurar que os nossos processos e métodos de implementação sejam realizados de forma coerente em todas as atividades dos membros da nossa empresa.

 

Sistema de Gestão de Qualidade e Ambiental

Recentemente fomos novamente certificados com a norma ISO 9001:2008 e ISO 14001:2004 por Lloyds Quality Assurance ("LRQA"), certificação que estará vigente até dezembro de 2016.

Procuramos melhorar continuamente os nossos padrões, com o objetivo de promover um desenvolvimento sustentável e tentar garantir que nossas atividades atuais não afetem negativamente as futuras gerações. As áreas nas quais concentramos nossos esforços são: redução das emissões, uso eficiente da energia e dos recursos naturais, eliminação da poluição da água e da minimização da poluição sonora.